Porto Alegre

Polícia localiza laboratório de produção de drogas em Porto Alegre

Um homem foi preso em flagrante no local.

28/08/2019 11h55
Por: Redação Sou de Canoas
Fonte: Rádio Guaíba
167
Homem foi preso em laboratório na zona Norte da Capital | Foto: Polícia Civil / Divulgação
Homem foi preso em laboratório na zona Norte da Capital | Foto: Polícia Civil / Divulgação

Agentes do Departamento de Investigações do Narcotráfico (Denarc) prenderam um homem em laboratório caseiro de produção de crack, localizado na zona Norte da Capital. O flagrante ocorreu no bairro Passo da Areia, na noite dessa terça-feira. Drogas e insumos também foram apreendidos durante a ação.

A prisão ocorreu no decorrer de investigações que apuravam o tráfico de cocaína e crack em grande escala, mediante distribuição no atacado para diversos traficantes na Região Metropolitana.

Conforme o delegado Thiago Bennemann, o preso estava foragido desde 2011, quando fugiu da Unidade Prisional de Imbituba/SC junto a outros 12 detentos, possuindo condenações pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

No local da ação policial, um apartamento residencial de classe média, foram apreendidos aproximadamente 4,5 quilos de crack, 6,5 quilos de insumos (bicarbonato de sódio), formas para produção de tijolos de crack, empacotadoras, um contador de cédulas, balanças de precisão, valores em dinheiro, documentos de contabilidade do tráfico de drogas, celulares e um veículo.

A ação integra a estratégia da Polícia Civil de intensificar as investigações de combate ao narcotráfico em criminosos responsáveis pelo fornecimento e produção de drogas ilegais.

Quer fazer parte do grupo do portal Sou de Canoas no WhatsApp? Chame no WhatsApp: (51) 8419-1295

Curta também nossa página no Facebook, assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de Canoas e toda a região Metropolitana.

Sou de Canoas no Facebook: https://www.facebook.com/soudecanoas

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.